By continuing you accept Avaaz's Privacy Policy which explains how your data can be used and how it is secured.
Got it
We use cookies to analyse how visitors use this website and to help us provide you the best possible experience. View our Cookie Policy.
OK

COMUNICADO DE IMPRENSA

Lista de “Procurados” é apresentada na véspera da votação crucial contra Cunha


*** Avaaz publica dossiê online sobre os deputados que podem livrar Eduardo Cunha da cassação. Milhares de queixas públicas aparecem nas redes sociais. ***

 

A Avaaz lançou hoje uma campanha para desmoralizar alguns dos membros do Conselho de Ética, antes da importante votação pela cassação da Eduardo Cunha, que deve acontecer amanhã. Durante a manhã, membros da Avaaz distribuíram imagens dos "Procurados" dentro e fora do Congresso, que podem ser vistas no seguinte endereço: https://avaaz.org/en/tropa_do_cunha/

 

O dossiê online afirma:

 

Eduardo Cunha está sendo investigado no esquema de propinas da Lava Jato, por ter embolsado 40 milhões de dólares em contas secretas na Suíça e por ter mentindo sobre isso para seus próprios colegas em uma comissão importante do Congresso. Há um mês, a Suprema Corte suspendeu Eduardo Cunha do cargo de presidente da Câmara e do seu mandato, e uma pesquisa do Datafolha apontou que 77% dos brasileiros querem a cassação de seu mandato.

 

Apesar disso, alguns membros do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara (a comissão que pode determinar a cassação do seu mandato), parecem estar prontos para vender sua alma política para salvar a cabeça de Eduardo Cunha. Ao invés de combater a corrupção, estes deputados estão usando o mandato que receberam do povo brasileiro para defender o poder e influência de Cunha!

 

A lista de procurados é:

 

  • Tia Eron (PRB-BA)

  • João Carlos Bacelar (PR-BA)

  • André Fufuca (PP-MA)

  • Nelson Meurer (PP-PR)

  • Sérgio Moraes (PTB-RS)

  • Wellington Roberto (PR-PB)

  • Alberto Filho (PMDB-MA)

  • Laerte Bessa (PR-DF)

  • Mauro Lopes (PMDB-MG)

  • Washington Reis (PMDB-RJ)

  • Wladimir Costa (SD-PA)

 

O objetivo desta campanha é chamar a atenção dos deputados através das redes sociais e fora da internet: eles precisam saber que, caso continuem coniventes com Eduardo Cunha, sofrerão as consequências, podendo perder o crédito junto aos eleitores. Ao ser lançada nas redes sociais e na web nas próximas horas, a campanha solicitará aos membros da Avaaz que liguem para os deputados e divulguem os cartazes dos parlamentares procurados nas redes sociais, usando hashtags como #ForaCunha OU #TropaDoCunha

 

Para mais informações, consulte: [email protected]